---

  • ?
  • ?

---

  • ?
  • ?


Ao vivo: Secretaria da Saúde faz live técnica

Publicado em 20/05/2020 às 19:07 - Atualizado em 20/05/2020 às 19:08

Na tarde desta quarta-feira, 20, a secretaria da saúde realizou uma live técnica para falar sobre os planos de ações para conter  proliferação do novo coronavírus no município. Participaram da live quatro profissionais da saúde, que são eles: Ricardo Coelho Bosco - Fisioterapeuta; Patrícia de Medeiros - Nutricionista (responsável pela central de atendimento - COVID 19); Jaime Ribeiro Freitas - Diretor Técnico Médico; Karen Lloyd Alves Moreira - enfermeira da Vigilância Epidemiológica.

O fisioterapeuta Ricardo falou sobre algumas ações que a cidade já desenvolveu como a barreira sanitária, a criação da central de apoio e da central de denúncia. O profissional ressaltou, também, a importância do uso de máscara sempre que sair de casa e levar em conta todos os cuidados sobre a higiene, como: lavar as mãos e o uso do álcool em gel.

Segundo Patrícia, é de extrema importância que a pessoa que estiver com sintomas gripais entre em conta via telefone com a central de atendimento, desta forma ela receberá todo o auxílio dos profissionais da saúde no conforto do seu lar.

Durante a live o diretor técnico médico Jaime, destacou que a COVID-19 não é mito e sim uma realidade. Ele relembrou a população sobre os principais sintomas da doença que são: febre, tosse seca, dor no corpo, coriza, lesões na pele e diarréia em alguns casos. Em Garopaba a saúde está dividida nas unidades básicas e a policlínica e agora conta com a central de atendimentos e a central de triagem. "Temos 2 respiradores, um que a município já tinha e o outro que adquirimos agora, e estamos estruturados de uma forma correta para receber os pacientes", falou Jair.  

Por fim, a Karen, enfermeira da vigilância epidemiológica, explicou como funciona o sistema ESUS VE utilizado pelo setor e ressaltou a importância de atualizar os dados no sistema do SUS, pois quando um paciente coleta amostra para o exame o resultado conta para a cidade que está cadastrada no sistema do SUS. "Por isso, as vezes acontece alguns erros. Não precisam sair correndo e causar aglomeração nas unidades, mas é importante atualizar o cadastro", conclui.